.

.

25 de mai de 2012

Caças reais britânicos se preparam para segurança dos Jogos Olímpicos de Londres

Comissária de bordo é presa ao tentar embarcar drogas em aeroporto de SP

Prefeitura de SP não quer aumentar número de voos em Congonhas

Cães e novos equipamentos ajudam a reforçar segurança no Galeão (RJ)

Falcões e gaviões ganham emprego em aeroporto de Porto Alegre (RS)

Amazonense de 28 anos é a primeira mulher a pilotar avião Hércules da FAB

Proteção de uma das turbinas se solta

19 de mai de 2012

Natal (RN): avião com 166 passageiros perde capô de motor após decolar




















Um avião que iria de Natal para São Paulo nesta manhã precisou voltar ao Aeroporto Internacional Augusto Severo depois que o capô de um dos motores se desprendeu durante a decolagem. O voo JJ3317 da TAM que levava 166 passageiros decolou às 7h36 com destino ao Aeroporto Internacional de Guarulhos. Depois que a peça se soltou, o avião precisou sobrevoar a capital do Rio Grande do Norte por cerca de uma hora para gastar parte do combustível.
Às 8h42, a aeronave pousou no aeroporto de Natal. Ninguém ficou ferido no incidente. Segundo a companhia aérea, os passageiros receberam a assistência necessária e embarcaram no voo JJ9354 para São Paulo às 12h35

Teste nos U.S.A do RAPTOR para Porta-Aviões

JETMAN - O Homem Pássaro voa sobre a Cidade do Rio de Janeiro


Um Piloto Aterrisa uma Aeronave sobre arvores

 
Um Piloto, aparentemente bêbado, caiu na quarta-feira em uma árvore Kewaunee County, Wisconsin, milagrosamente sobreviveu ao acidente, disseram autoridades locais.

Bola de fogo aparece no céu do Peru

Urubu entra em turbina de avião e obriga piloto a fazer pouso forçado

Roberto Carlos quer comprar avião avaliado em cerca de R$ 50 milhões

Avião cai no Nepal e mata 15 pessoas; seis sobreviveram

Queda de avião causa morte de 15 pessoas no Nepal

Avião transportado por caminhão fica entalado em viaduto de Porto Alegre (RS)

Sucata de avião da Vasp é retirada do aeroporto de Congonhas

2 de mai de 2012

Questões das FAA avisando aos passageiros que filmou a colisão com pássaros

Washington (CNN) - A Delta Air Lines passageiro que admitiu ter usado um dispositivo eletrônico no mês passado para filmar alguns minutos Bird Strike após a decolagem foi advertido pela Administração Federal de Aviação de seguir as regras ou enfrentar uma pena, da próxima vez. O avião com destino a Los Angeles fez um pouso de emergência no John F. Kennedy International Airport, em Nova York em 19 de abril depois de ter encontrado um problema no motor o piloto disse foi causado por uma colisão com pássaros, um incidente travado na câmera por Grant Cardone. A FAA investigado e enviado Cardone uma carta depois que a história recebeu atenção da mídia. O vídeo mostra um bando de pássaros que atingem o motor direito, fazendo com que ele desligue. "Nós demos conta de todos os fatos. Em vez de acções judiciais (uma penalidade civil), estamos a emitir esta carta que será feita uma questão de registro por um período de dois anos, após o qual, o registro será expurgados ", James Giles, diretor de fiscalização FAA inspetor de operações, escreveu em uma carta ao Cardone. A FAA exige que dispositivos eletrônicos portáteis ser desligado durante fases críticas do vôo. Autoridades dizem que a regra é para evitar interferência com a navegação da aeronave e sistemas de comunicação. "Deixe-me dizer, eu não acho que eu estou acima da lei ou qualquer um deveria ser", disse Cardone Soledad O'Brien, da CNN, na quarta-feira. Cardone disse que ele voou milhares de voos e milhões de quilômetros. "Pensar que um dispositivo, um telefone ou esta iPad pode derrubar um avião é ridículo, porque 90% valor de todas as pessoas nos Estados Unidos agora têm um iPhone com eles", disse Cardone. "Dezenove por cento de todas as pessoas têm um comprimido de algum tipo. Se apenas 10% dos passageiros de avião que teve o seu dispositivo na posição em diante, milhares de aviões que caem do céu todos os dias." Os pontos fora das FAA que a Delta segue normas quando os comissários de bordo dizer, "por razões de segurança, telefones celulares e outros aparelhos eletrônicos devem ser desligados e arrumadas até que você será notificado por sua equipe." A FAA disse Cardone, "O não cumprimento durante uma fase crítica do vôo e de emergência da aeronave possa ter afetado o resultado segura do voo." O avião fez uma aterrissagem segura, e não houve feridos. "Se verdadeiramente estes dispositivos, telefones, iPads são tão perigoso, a FAA tem a responsabilidade de proibi-los de aviões, Cardone disse." Se estes aparelhos são perigosos para o público americano, bani-los dos planos 
hoje"

O filho de um helicóptero e um avião

Os novos meios de transporte iReport Aventureiro: um ultra-leve. Mesmo que pareça, essas aeronaves são aeronaves mais seguras ... pelo menos, garantir que os dois ex-pilotos que fundaram holandesa KLM Royal Airlines escola de vôo

"O Crocodilo Voador."

Em maio, crianças voam de graça na Avianca






















Para celebrar o Dia das Mães, no segundo domingo de maio, companhia aérea oferece tarifa zero a crianças durante todo o
Líder em conforto no mercado nacional de aviação comercial, a Avianca presta sua homenagem às mães brasileiras oferecendo tarifa zero aos filhos. Desde que acompanhadas de um adulto, crianças de dois até 12 anos incompletos de idade irão viajar de graça para qualquer um dos 22 destinos cobertos pela malha aérea da companhia.  “A maior alegria das mães é estar junto aos seus filhos e, atendendo a esse desejo primordial das mulheres, fortalecemos a relação com nossos clientes”, afirma Tarcísio Gargioni, Vice-Presidente Comercial e de Marketing da Avianca.

A promoção é válida para passagens com emissão entre os dias 26 de abril, a partir das 20h, e 2 de maio, até as 9h. Já o embarque pode ser feito durante todo o mês de maio. Sujeita à disponibilidade de assentos e regras tarifárias, a promoção não é válida para tarifas especiais e as crianças contempladas não pontuam no Programa Amigo. Informações sobre embarque e documentação de menores podem ser obtidas no site da companhia www.avianca.com.br.

Sobre Avianca

Com frota atual de 26 aeronaves, operando em 24 aeroportos brasileiros, e expectativa de transportar 5,4 milhões de passageiros em 2012, a AVIANCA tem no conforto de suas aeronaves um de seus principais atributos --- é a única empresa aérea nacional em que a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) concedeu o selo A para o espaçamento entre todas poltronas de todas aeronaves da frota. Ao conforto, se somam seus sistemas de entretenimento oferecidos em modernas aeronaves Airbus A318, A319 e A320, além da atenção personalizada e preços bons e competitivos. A empresa ainda oferece serviço de bordo exclusivo e atendimento diferenciado, marcado pela pontualidade e por diferenciais como servir refeições e lanches  mesmo em voos de curta distância.

Um romance sobre a vida de Santos Dumont no Salão do Livro de Foz









Da Serra da Mantiqueira, no interior de Minas Gerais, à conquista de Paris: a vida fascinante do pai da aviação num romance inesquecível. Os visitantes do 5º Salão Internacional do Livro, a ser  realizado de 4 a 13 de maio em Foz do Iguaçu, terão a oportunidade de conhecer melhor a vida de Santos Dumont, conhecido como “O Pai da Aviação”. A palestra sobre esse brasileiro notável será no domingo, às 17 horas.

Quem falará sobre a vida de Santos Dumont é o escritor gaúcho Alcy Cheiuiche. Sua palestra está marcada para o dia 12, na Praça das Nações em Foz do Iguaçu. O escritor se formou no Brasil, mas estudou também na Alemanha, Bélgica e França, onde aprofundou seus estudos sobre Santos Dumont, na década de 90.
Cheiuiche é autor de dezenas de livros, crônicas, peças e poesias. Entre seus livros destacam-se: A Guerra dos Farrapos, Sepé Tiarajú e Ana Sem Terra. O autor pertence à Academia Rio-Grandense de Letras e foi patrono da Feira do Livro de Porto Alegre e da Semana Farroupilha. Seu livro Sepé Tiarajú é um clássico da Literatura Brasileira, vencedor de prêmios e traduzido no exterior. Ele relata a vida e a obra dos índios guaranis durante a catequização pelos jesuítas.
Paris reverencia até hoje a memória de Santos Dumont, este genial brasileiro que ficou conhecido mundialmente ao dar pela primeira vez a volta na Torre Eiffel com um dirigível. Elegante, habitué dos salões mais sofisticados de Paris, Santos Dumont teve uma vida fascinante, ousando sempre, dando os passos decisivos para o homem poder voar. Nos céus de Paris é a história dessa vida impressionante, com seus sonhos e suas conquistas.
ALBERTO SANTOS DUMONTSantos Dumont projetou, construiu e voou os primeiros balões dirigíveis com motor a gasolina. Esse mérito lhe é garantido internacionalmente pela conquista do Prêmio Deutsch em 1901, quando em um voo contornou a Torre Eiffel com o seu dirigível Nº 6, transformando-se em uma das pessoas mais famosas do mundo durante o século XX. Com a vitória no Prêmio Deutsch, ele também foi, portanto, o primeiro a cumprir um circuito pré-estabelecido sob testemunho oficial de especialistas, jornalistas e populares.
Santos Dumont também foi o primeiro a decolar a bordo de um avião impulsionado por um motor a gasolina. Em 23 de outubro de 1906, ele voou cerca de 60 metros a uma altura de dois a três metros com o Oiseau de Proie' (francês para "ave de rapina"), no Campo de Bagatelle, em Paris. Menos de um mês depois, em 12 de novembro, diante de uma multidão de testemunhas, percorreu 220 metros a uma altura de 6 metros com o Oiseau de Proie III.
Esses voos foram os primeiros homologados pelo Aeroclube da França de um aparelho mais pesado que o ar, e possivelmente a primeira demonstração pública de um veículo levantando voo por seus próprios meios, sem a necessidade de uma rampa para lançamento.LEGENDASAlcy Cheiuiche estará em Foz do Iguaçu(alcy)A vida de Santos Dumont no livro “Nos Céus de Paris”(livro)As estruturas para o Salão do Livro estão sendo preparadas na Praça do Mitre(praça)Santos Dumont e o Parque Nacional do Iguaçu
A história do Parque Nacional do Iguaçu começa no ano de 1916, com a passagem por Foz do Iguaçu de Alberto Santos Dumont, o pai da aviação. A área pertencia ao uruguaio Jesus Val. Santos Dumont intercedeu junto ao Presidente do Estado do Paraná, Affonso Alves de Camargo, para que fosse desapropriada e tornada patrimônio público.

No dia 28 de julho, através do decreto nº 63, foi declarada de utilidade pública com 1008 hectares e somente em 1939, por decreto do Presidente Getúlio Vargas, a área passou a ter 156.235,77 hectares.Em 1994 os decretos nº 6506 de 17 de maio e de nº 6587 de 14 de junho consolidam e ampliam a área do Parque Nacional dando-lhes os limites propostos pelo chefe da seção de Parques Nacionais; hoje os limites atuais são 185.000 hectares.
Trecho do livro Nos Céus de ParisO homem de terno escuro ouviu um repicar de sinos, mas não se moveu da sua posição. Confortável ali na areia e no seu primeiro voo em balão, voltou a sentir uma nítida sensação de fome. Não comera quase nada nos últimos dois dias, sozinho no seu quarto de hotel. Mas não precisava mover-se dali. Ele e o francês, Mon sieur Machuron, haviam levado na barquinha um cesto com iguarias: ovos duros, vitela e frango frios, queijo, frutas, doces, champagne no gelo, café e licor. Nada mais delicioso do que um almoço acima das nuvens. Que sala de refeições ofereceria melhor decoração? O calor do sol, pondo as nuvens em ebulição, fazia-as lançar em redor da mesa jatos irisados de vapor gelado, comparáveis a grandes feixes de fogos de artifício. A neve, como por milagre, espargia-se em todos os sentidos, em lindas e minúsculas palhetas brancas.
O jovem acabava de beber um cálice de licor quando uma cortina desceu sobre o cenário de sol, nuvens e céu azul. O barômetro elevou-se rapidamente cinco milímetros, indicando uma brusca ruptura do equilíbrio e uma descida precipitada. O balão, sobrecarregado com muitos quilos de neve, caía rapidamente. Sentado na areia, na longínqua praia brasileira, o homem sorriu. Nada faria para impedir a queda.O aviãozinho vermelho roncou novamente sobre sua cabeça e avançou resoluto em direção ao porto. Com os olhos esbugalhados, o homem assistiu ao bombardeio. Voando baixo sobre a cidade de Santos, o avião deixou cair suas cargas explosivas. A metralhadora voltou a matraquear, entre os estrondos de dinamite. Ouviu-se bem perto o rugido de um canhão. Desesperado, o homem tapou os olhos com os braços e deitou-se na areia em posição fetal.

China Eastern adquiriu 20 Boeing 777 por mais de 4.000 ME

















Hong Kong, China, (Lusa) -- A China Eastern Airlines anunciou a aquisição de 20 Boeing 777 por cerca de 6.000 milhões de dólares americanos (4,5 mil milhões de euros) e a venda de cinco Airbus A340 ao fabricante de aviões norte-americano.
A companhia aérea chinesa sedeada em Xangai explicou que vai vender à Boeing cinco Airbus por considerar que aquelas aeronaves têm elevados custos operacionais e "competitividade de rota relativamente baixa".
Estes Airbus da China Eastern, que faziam viagens de longo curso, designadamente da China para Nova Iorque e Los Angeles, têm uma média de 8,3 anos e estão avaliados em 708 milhões de dólares americanos (535 milhões de euros).

Formação em Aviação Civil permite que profissional atue como piloto ou na área administrativa

O mercado de trabalho no setor de aviação está bastante aquecido', afirma o coordenador do bacharelado em aviação civil da Universidade Anhembi Morumbi (UAM), Edson Gaspar. 'O potencial de crescimento do setor na América Latina está entre os maiores do mundo.' No entanto, contrariando a opinião do coordenador, as maiores empresas aéreas nacionais registraram prejuízo em 2011 e a Gol colocou em prática um plano de demissões, inclusive para pilotos e comissários.
Ainda assim, Gaspar lembra que para cada avião comercial são necessárias, no mínimo, sete tripulações completas, que atuam em esquema de rodízio. O professor também afirma que o contingente feminino tem crescido na profissão.
O curso da UAM, diz Gaspar, recebe há cinco anos o conceito máximo do Ministério da Educação (MEC), e também tem o reconhecimento da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). 'Além de seguir a carreira de piloto, esses profissionais podem atuar na área administrativa de empresas aéreas.'
Enquanto pilotos sem curso superior necessitam de 1500 horas de voo para serem contratados, os bacharéis em aviação civil precisam cumprir 500 horas. O custo da hora de voo em avião monomotor está em torno de R$ 400 e o de helicóptero custa cerca de R$ 750.
A parte prática ocorre em simuladores de voo e em laboratórios de física.
RECONHECIDO
Edson Gaspar
Coordenador do curso de Aviação Civil da Universidade Anhembi Morumbi
'Há cinco anos o curso recebe o conceito máximo do Ministério da Educação (MEC), e também tem o reconhecimento da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).'
AVIAÇÃO CIVIL
Salário inicial
R$ 5 mil a 10 mil
Duração do curso
3 anos
Disciplinas
Teoria de voo e aerodinâmica, conhecimentos técnicos, meteorologia aeronáutica, regulamento de tráfego aéreo

Delta, a primeira companhia mundial a comprar uma refinaria



















Nova Iorque, 02 maio (Lusa) - A Delta tornou-se a primeira companhia aérea mundial a comprar uma refinaria, um negócio com o qual pretende poupar 300 milhões de dólares (226 milhões de euros) anuais em combustível, noticiaram as agências internacionais.
A refinaria, localizada em Trainer, Filadélfia, Pensilvânia, foi comprada à petrolífera Phillips 66 por 150 milhões de dólares (113 milhões de euros), esperando a segunda maior companhia aérea dos EUA um apoio estatal de 30 milhões de dólares (22,6 milhões de euros) pela criação de postos de trabalho associados.
A aquisição, anunciada na segunda-feira, permitirá à Delta Air Lines cobrir 80 por cento das suas necessidades em combustível nos Estados Unidos.

Índia barra participação de companhias aéreas do país no mercado europeu de carbono




















O ministro da Aviação Civil da Índia, Ajit Singh, proibiu que as empresas aéreas do país divulguem informações sobre suas emissões de gases do efeito estufa para a União Europeia (UE), vetando assim que elas participem do Esquema de Comércio de Emissões Europeu (EU ETS).

Singh afirmou que a Índia vai resolver a questão das emissões de suas empresas dentro da Organização Internacional da Aviação Civil (ICAO) e que não vê com bons olhos a intromissão europeia no assunto.

Desde janeiro, companhias aéreas que utilizam aeroportos europeus precisam contabilizar suas emissões para criar o padrão de referência que deverá ser utilizado a partir de 2013, quando passarão a ser obrigadas a comprar créditos de carbono se ultrapassarem sua cota.
Para minimizar o impacto inicial, a Comissão Europeia (CE) definiu que 85% dos créditos deverão ser distribuídos gratuitamente. Além disso, a CE afirma que o custo para as companhias é aceitável, pois varia entre € 4 e € 24 adicionais em uma passagem de longa distância.

Se a CE proibir as empresas indianas de voar na Europa, a Índia deve retaliar com medidas semelhantes ou taxando de forma agressiva os voos europeus sobre o país.

“Temos muitas ações que podemos considerar se a UE não voltar atrás em suas demandas. Não estamos enfrentando uma crise econômica como a Europa e uma guerra comercial agora só traria ainda mais problemas para eles”, afirmou à Reuters uma autoridade indiana não identificada.

Diversas empresas europeias perderam contratos recentemente por causa de possíveis retaliações de países contrários ao EU ETS. A francesa Airbus, por exemplo, afirmou que três estatais chinesas estão se recusando a finalizar um pedido de 45 aviões A330, uma negociação que era dada como certa e que é estimada em €9.6 bilhões.

A União Europeia defende que a inclusão do setor aéreo no EU ETS vai evitar a emissão de 183 milhões de toneladas de CO2 por ano.

Asa e pneus de avião são encontrados em bairro de Campo Grande


















Uma asa de avião com o prefixo PU-CDB e aproximadamente 11 pneus de aviação e outros de veículos de passeio foram encontrados na rua Martine de Moraes, no bairro Parque Residencial Rita Vieira, em Campo Grande.
O prefixo da aeronave é a mesma de um avião que caiu após uma decolagem no aeroporto Pedro Teruel em março de 2008 na Capital.
Na asa, de aproximadamente 2 metros de comprimento, tem um símbolo das Forças Armadas e um adesivo da Esquadrilha da Fumaça. A assessoria de imprensa da Base Aérea da Capital informou que o avião não pertence à Aeronáutica.
Também foi informado, que pode acontecer o fato de dono de aviões civis pintarem símbolos militares em aeronaves. Junto à asa, tem aproximadamente 11 pneus de aviação e outros de veículos de passeio, todos com acúmulo de água.
“Eu tenho que ficar andando e retirando por conta própria, materiais que junta água”, disse o servidor público que mora na rua e já teve dengue.O aeroporto Teruel, infomou que a responsabilidade das aeronaves são de seus respectivos proprietários.

Aviação executiva é tema de programa do SBA


















Custo-benefício, conforto, praticidade e crescimento do setor no país serão abordados no Take Off, atração semanal dedicado totalmente à aviação exibida no Agrocanal, Conexão BR e Canal do Boi.
O Take Off desta semana mostrará os bastidores da aviação executiva. Através de entrevistas com pilotos, empresários do meio, clientes e com o presidente da Associação Brasileira de Aviação Geral (Abag) Eduardo Marson, o programa vai abordar o custo benefício desse setor da aviação.

"Diferente da aviação de linha, a executiva não tem horários nem destinos fixos, podendo se adequar às necessidade do cliente, além de oferecer outros serviços que aumentam o conforto do usuário" explica o diretor do SBA Níkolas Godoy. Segundo ele, o telespectador poderá acompanhar essas diferenças de perto durante o programa.

O Take Off vai ao ar no sábado às 11h no Agrocanal e às 21h no Conexão BR. O programa será reprisado no domingo, às 7h no Canal do Boi e às 12h no Conexão BR (horários de Brasília). Este é o primeiro programa da televisão brasileira dedicado totalmente à aviação. Ao longo do ano, ainda serão apresentados a Academia da Força Aérea, a única fábrica brasileira de helicópteros e o Esquadrão Pelicano.

Sobre o SBA

Sediada em Campo Grande (MS), o SBA é a rede de emissoras de TV especializada em agronegócio no país que, através de quatro canais (Canal do Boi, Agro Canal, Conexão BR e Novo Canal), transmite 90% de sua grade com programas ao vivo. Com o slogan: "Ninguém acredita mais no agronegócio do que a gente", o SBA tem se consolidado no meio rural com uma programação informativa, jornalística e comercial. A programação dos canais incluem jornais, revistas eletrônicas, entrevistas, análises de mercado, cotações e leilões, de domingo a domingo, para levar ao telespectador diversos tipos de informações do agronegócio. Seu sinal é transmitido via antena parabólica, Neo TV e internet, abrangendo cerca de 80 milhões de telespectadores em todo o território nacional e parte da América Latina.

Avião movido a etanol é destaque na feira














Desenvolvido pela Embraer, o Ipanema BEM 202A – primeiro avião produzido em escala comercial para voar com etanol de cana-de-açúcar – é uma das atrações do setor de aviação na 19ª Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação (Agrishow 2012).

As vendas da aeronave cresceram 300% desde 2007, sendo hoje a mais comercializada no país e representa 75% da frota de aviões agrícolas em operação, que gira em torno de 1.500 unidades.

Para este ano, a Embraer projeta comercializar pelo menos 60 novos Ipanema, superando o recorde registrado em 2011, quando foram vendidas 58 aeronaves. No entanto, ainda é pequena a área da agricultura brasileira pulverizada com aviões agrícolas – cerca de 15% das lavouras –, o que, para o Sindicato Nacional das Empresas de Aviação Agrícola, significa um grande potencial de mercado para aeronaves como o Ipanema.

Aviação executiva – Mas outro segmento da aviação enche os olhos dos visitantes da Agrishow – a aviação executiva. Interessados na praticidade das aeronaves para locomoção ou mesmo por hobbie, empresários de diferentes segmentos do agronegócio param nos estandes das empresas Líder e TAM para conhecer os novos modelos ou as novidades das aeronaves consagradas.

Segundo dados da Agência Nacional de Aviação (ANAC), nos últimos quatro anos, a aviação executiva no Brasil cresceu 32%. “Uma aeronave própria proporciona ao empresário voar de uma fazenda a outra, diretamente, com conforto e privacidade, sem gastar horas em deslocamentos por terra ou esperando em aeroportos comerciais”, afirma Philipe Figueiredo, diretor de Vendas de Aeronaves da Líder Aviação – maior empresa de aviação executiva da América Latina, com quase 700 aeronaves comercializadas entre aviões e helicópteros.

Na Líder, destaque para o Baron G58, considerada uma aeronave robusta e versátil, com capacidade para operar em pistas curtas e não pavimentadas. Já a TAM Aviação Executiva expõe na feira o Cessna Stationair Turbo 206. Um monomotor de asa alta apreciado pelos produtores do agronegócio, uma vez que a asa alta permite melhor visualização das lavouras.

Piloto surta durante voo nos Estados Unidos

Espanha: ciclone gera transtorno em aeroporto

O dia em que o avião do Corinthians caiu

Vídeo mostra queda proposital de avião no México

Um avião foi usado para estudo sobre segurança em Mexicali, no México. Ao decolar, o avião estava com 4 pilotos, que saltaram de páraquedas momentos antes do avião tocar o chão. Depois da saída dos pilotos, o avião foi guiado por controle remoto até o final do trajeto. A aeronave tinha capacidade para 200 pessoas e se partiu em vários pedaços. O vídeo, feito pelos responsáveis pelo estudo, mostra o momento em que o avião cai. Confira:

Turistas ficam presos em torre de monumento em Barcelona

Vocalista do Iron Maiden muda de ramo, lança empresa aérea e deve criar mil empregos









































Piloto comercial, Bruce Dickinson conduz avião da banda para os locais dos shows

 Depois fazer sucesso com a música, o vocalista da banda de rock britânica Iron Maiden, Bruce Dickinson, resolveu trocar os shows pelos negócios e criou uma empresa aérea no País de Gales.

A companhia recebeu o nome de Cardiff Aviation Limited e deverá criar cerca de mil novas vagas de trabalho, segundo reportagem do diário britânico Daily Mail.

Dickinson, que é piloto comercial, é o responsável por conduzir o avião da banda — um Boeing 757 — para os países onde o Iron Maiden faz seus shows.

Ele comprou uma área de quase 13 mil metros quadrados para instalar o hangar da empresa, que vai prestar serviços especializados para a indústria da aviação regional.

Os primeiros clientes do cantor deverão fechar os primeiros contratos no mês que vem e o primeiro simulador de voo, da aeronave Boeing 747, chega à firma no início de junho. Dickinson ressaltou a importância de levar a empresa para o País de Gales.

— Estamos trazendo esta empresa e novos negócios para o sul do País de Gales. Nossa expectativa cautelosa é criar cerca de mil empregos dentro de 18 meses, baseado no nível de interesse e comprometimento dos fabricantes de aeronaves e operadores da aviação civil.

A empresa vai fazer reparação, manutenção e operação de aeronaves, de todos os tamanhos até os Boeing 767. A firma também vai oferecer pacotes de treinamento de funcionários e tripulações e suporte de serviços técnicos.