.

.

8 de set de 2011

Cai outro Mig-21 na Índia, piloto sai com vida


Nova Déli, 6 set (Prensa Latina) Um caça Mig-21 da Força Aérea da Índia (IAF) caiu hoje no estado nordestino de Punjab (noroeste), ainda que seu único tripulante conseguiu salvar a vida ao catapultar-se.
  No início de agosto, em um incidente similar, um piloto morreu no também nordestino estado de Rajastão enquanto realizava um voo de treinamento a bordo de um aparelho do mesmo modelo.

O de hoje fez passar de mil o número de acidentes a bordo dos obsoletos aparelhos da IAF. Em uma grande parte deles foram envolvidos os da série Mig, e em particular o 21, o que lhe valeu o sobrenome de caixão voador".


Segundo um relatório do Ministério da Defesa, 39 por cento dos acidentes de aviões militares indianos ocorreram por erros dos pilotos; uma proporção similar, a defeitos técnicos na aeronave; nove por cento por colisões com aves; e 1,6 por cento por falhas na manutenção.


Dos mil e uns incidentes desse tipo, 13 encontram-se sob investigação.


A Índia está para fechar com o consórcio europeu EADS ou o francês Dassault's Rafaels um contrato em um valor superior aos 10 bilhões de dólares, para substituir seus obsoletos Migs com 126 Eurofighter Typhoon de diferentes modelos.


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário