.

.

17 de jul de 2011

AERO BOERO AB-115

Estou iniciando este Blog e como ponto de início gostaria de compartilhar, algumas fichas técnicas de aviões, no início este Blog estará vazio, Isto é, sem conteúdo, mais aos poucos pretendo preencher este vazio expandindo os artigos do mesmo.
Segue abaixo o primeiro artigo para iniciar esta jornada:

FICHA TÉCNICA:






O Aero Boero AB-115, de fabricação argentina, é atualmente a aeronave de instrução
(trainer) mais utilizada em todo o país. Trata-se de uma aeronave do tipo "tanden",
podendo transportar um aluno no assento dianteiro e um instrutor no traseiro.
O AB-115 é uma aeronave mono-plano de asa alta, semi-cantilever, mono-motor, tendo
sua estrutura feita em tubos de aço soldados, com algumas partes em alumínio e fibra
de vidro. Seu revestimento é feito em tela com tratamento anti-corrosivo. Seu trem de
pouso é fixo, do tipo convencional.
Por ser uma aeronave de asa alta, trata-se de um avião extremamente dócil,
apresentando grande vocação "trainer". É uma aeronave leve e de desempenho
satisfatório para o uso em instrução.
Sua velocidade de cruzeiro é em torno de 90 milhas terrestres (statute miles) por hora,
podendo chegar a, no máximo, 137 milhas por hora. Sua velocidade de estol "limpo" é de
52 milhas por hora. "Full", essa velocidade passa a ser de 43 milhas por hora.
Sua potência é de 115 HP (daí o nome AB-115). Sua autonomia é de 5 horas. O fator de
carga máximo é de 3,8 G com flaps recolhidos e de 2,0 G com flaps baixados. O "G"
negativo máximo é de -1,52 G.
O Aero Boero está homologado para o vôo VFR diurno, sem condições naturais de
formação de gelo. Não é permitida a realização de manobras acrobáticas, tal qual o
"parafuso", "looping" e outras que produzam fator de carga negativo.
Cabine
A cabine do Aero Boero AB-115 é muito simples. Apresenta instrumentos básicos
necessários para situação de vôo visual diurno e um aparelho de rádio VHF.
O comando é feito através de uma alavanca situada no assoalho da aeronave. Tal
alavanca está presente tanto na frente como na parte traseira (assento do instrutor).
É na cabine também onde se localiza o reservatório do fluido de freio, debaixo do
assento dianteiro e o acesso ao bagageiro, onde está localizada a bateria da aeronave,
atrás do assento traseiro.
A figura abaixo mostra os principais elementos contidos no cabine de comando do Aero
Boero AB-115:Asas e Superfícies de Comando
As asas do Aero Boero AB-115 são do tipo alta e semi-cantilever, sendo o AB-115 uma
aeronave do tipo monoplano.
As asas do AB-115, diferente da fuselagem, é toda feita em metal (alumínio). Estas são
montadas sobre dois suportes, fixados na parte inferior da fuselagem. As pontas da asa
são de fibra de vidro, e sua estrutura é feita de montantes e longarinas de aço, nervuras
de madeira e tirantes de cabo de aço.
Quanto as superfícies de comando, as primárias (ailerons, leme de direção e
profundores), todos são do tipo convencional, acionados por cabos de aço, roldanas e
guinhóis. Os ailerons são totalmente metálicos, enquanto o leme de direção e profundor,
tal qual a fuselagem, são feitos de tubos de aço revestidos de tela.
As superfícies de comando secundárias (compensador e flaps) também são acionadas
mecanicamente. O compensador através de uma alavanca no lado esquerdo da cabine, e
os flaps através de uma alavanca de 4 posições (0º, 15º, 30º e 45º) localizada no teto da
aeronave.
Empenagem
A empenagem do Aero Boero AB-115 é totalmente feita por tubos de aço revestidos em
lona envernizada e com tratamento anti-corrosivo. É nela onde estão localizados o
profundor e o leme de direção da aeronave.
No profundor está localizado o estabilizador da aeronave. Este é comandado de dentro
da cabine, a fim de reduzir o peso na alavanca de comando durante as descidas e
subidas.
Motor e Sistemas
O motor do Aero Boero AB-115 é um Avco-Lycoming O-235-C2A, de 115 HP a 2800 RPM.
Trata-se de um motor de quatro cilindros horizontalmente opostos, refrigerado a ar.
Utiliza um carburador Facet MA-3PA e dois magnetos Slick 4250.
Seu sistema de ignição é muito simples, constituido somente por uma bateria de 12v e
35Ah, um alternador Prestolite de 12v e 60Ah, um regulador de voltagem Nosso, também
de 12v e 60Ah e um starter Lycoming de 12v. Possui também uma chave eletromagnética
Bendix, que desconecta automaticamente a bateria em caso de sobrecarga.
Seu motor é alimentado por gasolina de aviação, de octanagem mínima de 80/87
octanas, podendo utilizar gasolina com octanagem máxima de 130 octanas. Esta
gasolina fica armazenada em tanques de alumínio fixados nas raízes das asas,
possuindo seletoras individuais. A capacidade total dos tanques é de 115 litros, dos
quais apenas 105 são utilizáveis. O nível do combustível pode ser verificado através de
dois visores tubulares de vidro, localizados na parte superior da cabine (vide figura
abaixo). O consumo do motor é de 20 litros por hora, logo a sua autonomia máxima é de
5 horas.
O sistema de lubrificação é do tipo "cárter molhado", possuindo uma bomba de
engrenagem que distribui o óleo pelo motor. A temperatura é controlada por uma válvula
termostática, que regula o fluxo de óleo que passa pelo radiador. O reservatório de óleo
possui uma capacidade de 5,7 litros, sendo 4,0 litros o mínimo de óleo necessário.
Hélice
A hélice do Aero Boero AB-115 é uma Sensenich, modelo 72CK-O-50, de metal, com
passo fixo.
Trem de Pouso e Freio
O trem de pouso do Aero Boero AB-115 está disposto na posição convencional, ou seja,
duas rodas a frente e uma bequilha atrás.
As rodas dianteiras estão fixadas a fuselagem por meio de três pontos: dois articulados
e outro preso através de um amortecedor de mola.
Os freios, localizados nas rodas dianteiras, atuam de forma independente, a fim de
permitir movimentos de curva. Este sistema é composto por dois cilindros mestres, um
para cada roda, sendo supridos por um único reservatório de óleo, situado debaixo do
assento dianteiro.
Bequilha
Por ser uma aeronave do tipo convencional, a bequilha do Aero Boero AB-115 está
localizada na parte traseira da aeronave, logo abaixo do leme de direção.
O comando da bequilha (vide figura abaixo) dá-se através dos mesmo pedais que
comandam o leme de direção. A mesma pode ser destravada, passando a possuir um
movimento livre.
Asas e Superfícies de Comando
As asas do Aero Boero AB-115 são do tipo alta e semi-cantilever, sendo o AB-115 uma
aeronave do tipo monoplano.
As asas do AB-115, diferente da fuselagem, é toda feita em metal (alumínio). Estas são
montadas sobre dois suportes, fixados na parte inferior da fuselagem. As pontas da asa
são de fibra de vidro, e sua estrutura é feita de montantes e longarinas de aço, nervuras
de madeira e tirantes de cabo de aço.
Quanto as superfícies de comando, as primárias (ailerons, leme de direção e
profundores), todos são do tipo convencional, acionados por cabos de aço, roldanas e
guinhóis. Os ailerons são totalmente metálicos, enquanto o leme de direção e profundor,
tal qual a fuselagem, são feitos de tubos de aço revestidos de tela.
As superfícies de comando secundárias (compensador e flaps) também são acionadas
mecanicamente. O compensador através de uma alavanca no lado esquerdo da cabine, e
os flaps através de uma alavanca de 4 posições (0º, 15º, 30º e 45º) localizada no teto da
aeronave.
Fuselagem e Estrutura
O Aero Boero AB-115 é uma aeronave que apresenta estrutura do tipo tubular, formada
por tubos de aço soldados, possindo também partes em alumínio e fibra de vidro.
Seu revestimento é feito em tela envernizada, anti-corrosivamente tratada à base de
cromato de zinco, que protege a estrutura de aço da aeronave.
As dimensões da aeronave são de 10,38 metros de evergadura, 7,23 metros de
comprimento e 2,05 metros de altura máxima (vide figura abaixo).
O Aero Boero 115 é um avião monomotor, monoplano, asa alta, trem de pouso fixo
convencional, de construção mista, com acomodação para dois ocupantes.
Produzido na Argentina, é atualmente um dos modelos mais utilizados para instrução
básica pelos Aeroclubes brasileiros.
Ficha Técnica:
Principais características da aeronave :
· Fabricante : Aero Boero (Argentina)
· No de assentos : 2
· Motor: 1 AVCO Lycoming 0 235 C2A
· Potência: 115 hp a 2800 rpm
· Comprimento : 7,23 m
· Envergadura : 10,78 m
· Altura: 2,05 m
· Altura : 2,10 m
· Peso vazio : 557 kg
· Peso máximo na decolagem : 770 kg
· Velocidade de cruzeiro : 90 mph
· Velocidade máxima : 112 mph
· Capacidade do tanque de óleo: 5,7 litros
· Autonomia : +/- 4 hrs


Nenhum comentário:

Postar um comentário